segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

É pique! É pique!


Participe do Conselho de CEI!


Maiores informações sobre horário da reunião, consulte a agenda de seu filho.

Cardápio desta semana.

Olha que delicia nosso cardápio para a semana de 25 de fevereiro a 01 de março!


 

Mais atividades do período de adaptação com os pais no CEI...

Para o período de adaptação com os pais, pensamos em atividades onde pais e filhos pudessem participar igualmente e em parceria, resultando num produto final que as crianças utilizassem brincando e, muito além disso, lembrassem da construção e do apoio de seu parente naquele momento de retorno à escola e de início de uma nova etapa para aquelas que estão chegando agora.

Foi apresentada a proposta de um pega varetas gigante, feito com jornal. Os pais, junto com seus filhos, enrolariam a folha no formato de uma vareta que, depois seria pintada com a cor escolhida pela criança. Esta interação foi um sucesso, pois a criança buscava seu pai, mãe ou outro parente, levava até a mesa e dava as indicações de como feria feito, se apropriando do ambiente. No momento da pintura, em todos os casos, foram as crianças que pintaram e o apoio para segurar a vareta foi primordial para a confeccção.

É no período de adaptação que pais e filhos tem a oportunidade de conhecer a escola, professor, ambiente e recursos que serão utilizados durante o ano e que este momento tem um grande significado na vida da família e das crianças.



Relatos de Maria Rozineide Rodrigues Caldeira
Professora do MGII A

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Esta é a minha escola, meu caderno, meu desenho, minha história no CEI.


Pretendemos neste texto dividir algumas angústias, reflexões e práticas sobre o processo de adaptação no CEI. A adaptação não só do ponto de vista das crianças, mas principalmente das famílias que estão presentes e que também precisam ser acolhidas. Neste caso, as famílias deixam de ser meros acompanhantes e se tornam participantes na adaptação de seus filhos (participando, desenhando...).
O objetivo do planejamento de adaptação é fazer deste momento algo mais que prazeroso e tranquilizante para as famílias, que assistem de perto qual será a nova rotina de seus filhos. É nestes dias que construiremos um novo diálogo com as famílias e crianças, que não se resume em conhecer os espaços e sim de estabelecer relacionamento entre professor/aluno e professor/famílias, reforçando a confiança e, acima de tudo, reestabelecimento de vínculos entre pais e filhos.
Bem como cada um de nós leva consigo lembranças de experiências vividas e que contribuem para nos tornarmos o que somos hoje, assim também deve ser o momento de interação da família e criança no CEI. A primeira semana de aula representa e marca muito o início do ano letivo dos pequenos, por isso pensar em propostas que sejam compartilhadas entre pais e filhos. Desta forma os familiares se tornam também atores nas produções artísticas das crianças.
O papel do professor neste processo vai além do observar a criança com seus pais, ou oferecer brincadeiras, mas sim o de oportunizar a criança um momento único nesta relação entre criança, família e escola. Ao professor cabe estimular a criança e os pais a produzirem, participarem e expressarem-se de forma que talvez nunca antes tenham praticado.





A tarefa de escrever e ler o bilhete mostrou muito entusiasmo. Cada pai escreveu e leu para a sua criança e, vale ressaltar que foi um momento emocionante. Foi relatado por alguns pais que nunca haviam escrito nada para os filhos antes. Ao lerem os bilhetes para as crianças, elas ouviam atentas, sorriam e eram explicitas as horas de carinho. Essas conversas emocionadas continuaram em muitas direções, pudemos observar mais toques e menos constrangimento por estarem em um ambiente tão diferente e formal.

Acreditamos que o bilhete proporcionou uma experiência generosa na relação com a família e, para o CEI, uma experiência participativa e ativa. Proporcionou também aos professores uma ferramenta de vínculo da criança com o seu familiar, já que o caderno e bilhetes ficam a disposição das crianças.
Vantagens oferecidas pelo planejamento:
·         Promover a participação e a interação dos familiares nas atividades, produções artísticas, brincadeiras, etc., na primeira semana de adaptação;

·         A família deverá produzir desenhos livres na capa de um caderno de desenho coletivo entre pais e filhos;

·         Escrever um bilhete com mensagem de incentivo sobre a nova fase escolar;

·         Ler para a criança a mensagem que, posteriormente, será colada no caderno. 

A primeira semana de adaptação por vezes gera sofrimento às crianças que podem ser sentir inseguras com o novo.  Para os momentos de choro ou necessidade de acalento, remetê-los ao manuseio de uma produção feita com os familiares é, no mínimo, reconfortante, pois deixa a criança mais tranquila.


 
 
Relatos de Patricia Rocha Araújo
Professora do MGII A 

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

A árvore dos desejos

Em atividade realizada com os pais durante a reunião do dia 06 de fevereiro, elaboramos um painel com as expectativas dos familiares em relação ao trabalho com as crianças para este ano. As contribuições foram excelentes e o painel ficou muito bonito. Confiram!












Cardápio para os dias 14 e 15 de fevereiro

Como uma das ações do projeto "Beleza se põe na Mesa" e da parceria entre CEI e comunidade, semanalmente divulgaremos o cardápio servido nas refeições para nossas crianças. Acompanhem!

Um convite muito especial...


Primeira Reunião de Pais

Em 31 de janeiro, realizamos uma reunião com os pais iniciantes, onde apresentamos os espaços do CEI e conversamos sobre a proposta de trabalho de nossa unidade. Nesta conversa mostramos que o CEI não é apenas um lugar para deixar as crianças, e sim um local onde o educar e o cuidar caminham juntos, proporcionando aos pequenos um ambiente acolhedor e de grandes aprendizados.
A presença dos pais foi muito marcante e participativa.
 




No dia 06 de fevereiro foi o momento em que todos os familiares, das crianças iniciantes e das que já frequentavam o CEI, conhecerem os professores e a equipe de funcionários. Mais uma vez, tivemos uma ótima frequência e o grande prazer de abrirmos as portas deste espaço tão especial para a comunidade.




 
 

Reunião de Organização - 2013

É tempo de organizar o trabalho pedagógico para o ano de 2013.
 
A volta ao trabalho dos professores do CEI foi um momento de rever os amigos, conhecer novos companheiros, contemplar as melhorias dos espaços, avaliar as ações do ano anterior e começar a planejar as ações para receber nossas crianças.
 



 
"Reparei que, principalmente os professores novos, apresentavam expressões conhecidas por nós educadores, quando recebemos as crianças pela primeira vez no CEI. Eram expressões que queriam saber mais sobre o espaço, as pessoas e a organização do trabalho neste novo ambiente."
Relato de registro de Thelma Alota Ales, diretora do CEI





 
Recebemos também as ilustres visitas de nosso Diretor Regional de Educação, professor Paulo Gonçalo; do Diretor de Projetos Especiais, professor Marcos Gabriel, e de nosso Supervisor Escolar, professor Francisco Anildo Sales que nos falaram um pouco dos grandes desafios e das expectativas para a educação de nossa cidade.
 




 
Foram três dias de muito trabalho!
<body ondragstart='return false'>